Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Fui ao Cinema... E não comi pipocas!

As aventuras e desventuras de uma miúda que se alimenta de histórias cinematográficas.

Fui ao Cinema... E não comi pipocas!

Foram divulgados os possíveis nomes das sequelas de Avatar. Como?

Lembram-se de Avatar? O filme de James Cameron de 2009 que veio juntar humanos e alienígenas num só mundo esteticamente impressionante? Pouco depois do filme ter saído e se ter tornado um sucesso de bilheteiras, foram anunciadas 4 sequelas a ser lançadas nos anos seguintes, e agora podem ter sido revelados os seus nomes. À BBC, uma fonte divulgou que as sequelas serão conhecidas por Avatar: The Way of Water, Avatar: The Seed Bearer, Avatar: The Tulkun Rider e Avatar: The Quest for Eywa.

 

Estes nomes não foram confirmados ainda oficialmente, nem por James Cameron nem por alguém envolvido na produção. Ainda falta muito tempo até que estes filmes sejam lançados, por isso estamos talvez a precipitar-nos se achamos que podem ser finais.

 

 No entanto, é possível que pelo menos o primeiro, The Way of Water, esteja próximo da realidade – no início do ano, Stephen Lang (um dos atores do filme) veio dizer que parte da ação de Avatar 2 teria lugar debaixo de água. 

 

Se bem se recordam, Avatar falava de um planeta colonizado por humanos em que os nativos Na’vi e a nossa espécie lutavam pelos seus recursos naturais. 5 fimes a falar de tudo isso parece excessivo, mas considerando que existem vários aspetos da cultura Na’vi e da sua ligação à terra por explorar, é possível que alguns destes títulos tenham uma storyline diferente daquela que nos foi introduzida na primeira parte.

 

O Screen Rant, por exemplo, já teceu algumas teorias sobre o que é que cada um destes títulos poderá significar. Para a plataforma, é possível que as partes 2 e 3 se foquem muito mais na profundidade da relação dos Na’Vi com Pandora (seja através da sua ligação à água, ou falando mais sobre a Tree of Souls, que já conhecemos), e que apenas duas últimas se centrem mais no conflito com os humanos.

 

Desde que foram anunciadas as 4 sequelas que o público tem assumido que o homem deve estar louco se acha que vamos ter interesse em ver 5 filmes destes. Mas apesar das reações a estes rumores não terem sido muito positivas, não há que negar que Cameron deve ter um plano.

 

Atenção: estou com todo este paleio mas não gosto do Avatar. Com todas as forças do meu ser. Mas ainda sei reconhecer que, para ter anunciado logo que ainda ia fazer 4 filmes, Cameron tem um caminho muito bem pensado na sua cabeça. Ele sabe o que faz e se isso significa continuar o resto da vida a encontrar plotlines para estes filmes, ele vai conseguir.

 

Mas não, eu não gosto de Avatar. Reconheço valor no que Cameron conseguiu fazer com o filme – o homem demorou 10 anos para começar a produção porque não havia em 1996 a tecnologia que ele precisava para gravar. É impressionante a manipulação de câmaras 3D e 2D e captação de movimentos utilizada, mais o esforço de pós-produção envolvido. Para mim, o visual do filme é aquilo que verdadeiramente vale a pena e a forma como Cameron trabalhou para o conseguir.

 

O resto... Meh.

 

Tem uma história banal, probremente desenvolvida e muito pouco interessante. As interpretações não acrescentam nada de novo, e tem tantos clichés que quase parecia ter sido uma colagem de várias histórias infantis.

 

Eu até tenho Cameron como alguém que consegue ser inventivo o suficiente para tirar de histórias banais um sumo interessante. Neste caso, apesar de bater todas as teclas daquilo que pode tornar um filme banal mais interessante e de ter um argumento minimamente bem estruturado para criar curiosidade e tensão... Parece que o enredo não bate certo com o quão épica a imagem estava a ser.

 

Em todo o caso, veem mais 4 e pode ser que o caso mude. Continuo a achar que Sam Worthington não consegue interpretar nem por nada, mas talvez agora a sua história me prenda e convença mais.

 

As partes 2 e 3 foram filmadas em simultâneo e a produção acabou recentemente. Agora só temos de esperar até Dezembro de 2020 para Avatar 2, e Dezembro de 2021 para Avatar 3.

 

Quanto aos seguintes, estão marcados para 2024 e 2025, mas a não ser que os anteriores tenham sucesso a 20th Century Fox pode decidir não avançar.